‘Bridal stylist’ ajuda a construir um visual ‘perfeito’, e especialistas das áreas de estética e saúde também oferecem tratamentos que preparam a noiva para o grande dia

Há quem compare a preparação do casamento a uma maratona: passou um obstáculo, já vem o outro. É que nessa caminhada rumo à vida a dois não faltam preocupações. Além do buffet, da decoração, dos doces e da banda, a busca pelo vestido perfeito costuma tirar o sono das futuras esposas. Para evitar esse transtorno, muitas apostam na ajuda da “bridal stylist”, uma espécie de conselheira que orienta a noiva na construção do look perfeito, em meio a tantas opções.

Mas até profissionais da área da saúde e da estética já embarcaram nesse setor. Estar com a pele e o sorriso em dia, por exemplo, também é fundamental e acaba entrando no cronograma de preparativos para o “grande dia”.

A dermatologista Tathya Taranto oferece protocolos específicos para tratar pele, cabelos e corpo da noiva em seu consultório na zona Sul da capital mineira. “Para a pele, a gente vai agir em três frentes: estímulo de colágeno, com lasers e microagulhamento que melhoram a qualidade, a textura e o brilho; a redução de rugas de expressão com o uso da toxina botulínica; e o preenchimento facial com pequenas quantidades de ácido hialurônico, para diminuir áreas de sombra, depressão e falta de volume, que podem interferir na maquiagem e nas fotos”, explica.

Para esses cuidados, a dermatologista conta com o Fotona, um equipamento com tecnologia eslovena 4D. “Uma das ponteiras do laser se chama ‘véu de noiva’, porque ele remove a camada mais superior da pele, devolve luminosidade e brilho”, afirma.

Já o protocolo para o corpo busca tratar principalmente celulite, flacidez e gordura localizada. E o tratamento para os cabelos envolve lasers e intradermoterapia, que consiste em injetar substâncias, vitaminas e medicamentos no couro cabeludo para estimular o crescimento dos fios. “A ansiedade dos preparativos do casamento se reflete em tudo. Muitas noivas chegam ao consultório queixando-se de queda de cabelo por estresse”, diz Tathya.

Para não aumentar essa ansiedade, a dermatologista recomenda que as noivas busquem os tratamentos com pelo menos seis meses de antecedência. “Quanto mais perto da data, menos opções podemos utilizar”, orienta.

Uma sessão avulsa do Fotona custa R$ 3.125, e o peeling véu de noiva, com três aplicações na face, sai por R$ 3.750.

Odontologia. O tempo e a avaliação profissional de um especialista também são essenciais para quem quer melhorar o sorriso, segundo a cirurgiã-dentista de São Paulo Andréa Lancia. A principal demanda costuma ser pelo clareamento, mas, em muitos casos, a indicação pode ser também por uso de aparelhos, restaurações, limpezas e facetas (“lentes de contato”).

“Elas se preocupam tanto com outros detalhes e acabam esquecendo do que vai ficar mais registrado no dia: o sorriso. Às vezes, em meio à loucura da organização da festa, os noivos não fazem nem a limpeza. Aí eles chegam com duas semanas e ainda têm que fazer a limpeza, e esperar pelo menos cinco dias para começar o clareamento”, observa.

O ideal, de acordo com a médica, é fazer uma visita ao dentista com pelo menos seis meses de antecedência da data do casório para uma avaliação geral. Se o caso for mesmo de clareamento, o procedimento pode ser feito 40 dias antes do “sim”.

A técnica mais indicada e preferida por Andréa é a que mistura o tratamento caseiro com o feito na clínica. “No consultório, damos uma clareada inicial, e a pessoa já sai com o tom do dente mais claro. Mas o complemento caseiro acaba tendo um ganho maior no longo prazo”, afirma.

Os valores de um pacote de clareamento dental podem variar de R$ 750 a até R$ 1.500.

Crescimento. O Brasil registrou 1,1 milhão de casamentos em 2014, o que representou um aumento de 5,1% em relação a 2013, conforme último levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Casamento é coisa de homem”

Foi quando começou a planejar seu casamento com a publicitária Marina, 30, que Dudu Teruszkin, 27, hoje blogueiro sobre casamentos, percebeu que nenhum site falava a linguagem do noivo. Bastou um texto sobre o assunto para ele ter mais de 15 mil acessos e transformar essa abordagem em sua profissão.

“Eu falo da realidade que está por trás desse sonho. De como é difícil fechar a lista de convidados, pagar o casamento, mas, também, como é legal planejar a lua de mel”, conta. Hoje, 40% dos acessos do seu blog são de homens. Além disso, ele mantém um grupo no WhatsApp com mais de 200 noivos no Brasil e lançou um e-book.

Dudu conta que não aderiu a nenhum “projeto noivo”, mas aproveitou o período pré-casamento para testar alguns modelos de barba e de cabelo para o dia. “Foi mais ou menos como a noiva que faz teste de cabelo e maquiagem para chegar 100%”, brinca.

Fonte: Jornal O TEMPO